Buscar

Bancário, ame o seu trabalho ou sua carreira vai por água abaixo!



Quem é bancário sabe que a vida no banco é cheia de desafios o tempo todo. Mesmo sabendo disso, a cada dia que passa, mais pessoas querem entrar nessa profissão. Por que? Talvez pelo o status que vem com a profissão (um status superestimado, muitas vezes) elas concluem que os bancários ganham muito dinheiro e trabalham pouco, que tem PLR, vale alimentação, vale refeição, porém, o que elas não imaginam é que algumas suposições são ilusões e que os desafios da profissão não são para qualquer um.


De acordo com o Banco Central, no Brasil existem 21.874 agências bancárias e, pelos dados da Febraban, existem, aproximadamente, 500 mil bancários. Como podemos perceber, é uma área grande e que continua a crescer, porém, o bancário tem que lidar com diversos desafios no cotidiano. O excesso de demandas é uma realidade do profissional do banco, o que faz com que ele esteja sempre na “correria”, com muita coisa em sua cabeça, etc. Tendo que praticar sua inteligência emocional todos os dias. E o excesso de metas? Ah, este é, talvez, o maior desafio do bancário. Os profissionais que trabalham no banco são testados diariamente. Metas e mais metas, campanhas e mais campanhas, a pressão por resultado e por uma melhor fatia de participação no mercado e por negócios rentáveis e de qualidade, muitas vezes tiram o sono do bancário. E ainda existem muitas pessoas que acham que trabalhar no banco é só chegar às 11h, sair às 16h e, nesse meio tempo, desfrutar de um ar condicionado turbinado, além de estar vestido impecavelmente. Porém, são todos esses desafios que dão sentido e fazemos por amor a profissão. Estar nesse ambiente desafiador faz com que diariamente somos forçados a evoluir, a usar nossa competência na potencialidade máxima. Somos testados e instigados diariamente a fazer além.


Todo bancário está no banco procurando fazer o seu melhor. Apesar das adversidades, luta todos os dias para conseguir realizar todos os objetivos e cumprir todas as metas, atende seus clientes e intermedia pessoas a realizarem seus sonhos. Tem um papel fundamental na vida de muitas pessoas e está pronto para ajudar seus clientes com toda dedicação, mesmo com tantas adversidades, além de receber todos sempre com um sorriso no rosto. Isso se chama: amor pelo que faz. Temos uma profissão desafiadora, mas muito gratificante. Qual profissão não tem adversidades cotidianas? Impossível! Para quem é movido por desafios, trabalhar no banco é ter desafios todos os dias e superá-los a cada momento, tendo a certeza de que iremos conseguir e que estaremos realizados, com a missão cumprida!


Batalhamos muito para crescermos e nos destacarmos no ambiente de trabalho e não queremos vacilar. As mudanças são constantes, a velocidade das informações, na era do conhecimento e era digital, nos deixam em uma busca constante para nos mantermos preparados. É por isso que precisamos estarmos atualizados sempre, procurando inovar em nossas competências e procurarmos o melhor. E é aí que temos que ter planos, estratégias, definir o processo e estarmos preparados para imprevistos. Há desafios que podem ser superados com técnicas, você tem que saber quais são, pois te ajudará, e muito, no processo.


Trabalhar no banco é suado, não é fácil, mas sabe de uma coisa? Para quem gosta de desafios, melhor profissão não há! Muitas vezes nos cansamos, desanimamos e achamos que não temos mais saídas, mas para quem está disposto a sair da zona de conforto, valerá muito a pena. E se você está disposto a correr atrás, inovar, definir planos para suas metas, querer fazer diferença na vida do seu cliente e, principalmente, ama o que faz, você se destacará! E cada desafio valerá a pena!


Abraços.

Paula Queiroz


374 visualizações
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram

© 2018 Bancários de Sucesso

Todos os direitos reservados